Entre Maputo e Lisboa

Reflexos de um Antropólogo na Blogosfera


 

 

 
«Nunca desci uma rua de Maputo, nunca me cruzei com os seus habitantes, não sei a diferença entre o betão e o caniço, não apanhei nunca uma molha das suas chuvas torrenciais, não ouvi nunca os profissionais do humanitarismo conversar sobre orçamentos da sua ONG na mesa do café ao lado da minha. Paulo Granjo tem a capacidade de nos levar com ele a ver essas coisas por cima do seu ombro, mas também de ver os olhares de quem se cruza com ele. Esse é um hábito, ou talvez um talento de antropólogo, da sua observação participada. Mas igualmente este é um livro de cidadão em tempos de crise, de ‘participação observada’, uma participação que não é um frémito narcisista nem uma competição pelo ascendente e poder num campo político, mas uma participação que se observa a si mesma, com os seus limites e potenciais, fraquezas e forças.
Este livro tem, na mesma medida, esses dois olhares – o que vem da imaginação interpretativa do antropólogo e o que nasce da vontade fraterna do cidadão.»
Rui Tavares

  • 219 pp.

Preço de Capa: €14.00
Nosso Preço: €12.60
Poupe: 10% menos

Adicionar ao Carrinho de Compras:

ISBN: 978-972-671-348-7
Publicado: 2015


Quem comprou este livro também comprou...




INSTITUTO DE CIÊNCIAS SOCIAIS - UNIVERSIDADE DE LISBOA
Avenida Professor Aníbal de Bettencourt, 9 1600-189 LISBOA Telef: 217 804 700 - Fax: 217 940 274 Política de Privacidade